Domingo 23 do Tempo Comum. Ano B

Mc. 7, 31-37.

“Effathá, abre-te”.

Há muita gente prisioneira no seu próprio corpo. Basta um acidente vascular cerebral para ficarmos fechados na prisão do nosso corpo, sem podermos falar ou ouvir. Há outras maneiras de se fechar em si mesmo: pais que têm vergonha da maneira como os filhos se comportam; pessoas que escondem os seus sentimentos, por os outros sempre fazerem pouco deles, só recebem comentários destruidores. Effathá é um convite: podes abrir-te, podes sair de ti próprio, porque aos olhos de Deus vales muito. A vida é uma festa para todos sem excepção. Effathá é um convite de Deus.

Cumprimentos para todos. Padre João.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: